Brasileiro não confia em Temer e desaprova medidas adotadas pelo governo, diz pesquisa

15492232_257441134673973_2774115914976808385_n.jpg

Pesquisa Ibope, encomendada pela CNI e divulgada nesta sexta-feira, mostra que os níveis de aprovação e confiança da população no governo de Michel Temer estão bem baixos. Os dados foram coletados entre 1 e 4 de dezembro, ou seja, antes da divulgação da delação premiada de Cláudio Melo Filho, presidente da Odebrecht.

Para 72% dos brasileiros, Temer não é confiável e 64% não aprovam sua forma de governar. Na avaliação de 46% da população, seu governo é ruim ou péssimo.

Sobre as medidas adotadas pelo governo, o índice de rejeição também é alto: 79% desaprovam as ações adotadas em relação à taxa de juros e 76% condenam as providências tomadas para combater o desemprego, porcentual idêntico aos que reprovam as medidas para melhorar a segurança pública.

Quando o assunto são os impostos, 80% estão insatisfeitos com as ações do governo. Nos combates tanto à inflação quanto à pobreza, os porcentuais também são os mesmos: 70% dos entrevistados desaprovam as medidas da atual administração.

Foram ouvidas 2.002 pessoas em 141 municípios brasileiros. A margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos, e o índice de confiança é de 95%, o que quer dizer que, levando-se em consideração a margem de erro, a probabilidade de o resultado ser verdadeiro é de 95%.

 

Deixe uma resposta