Desviando sua atenção para acabar com a sua aposentadoria

1-JxkohNe0ZpMFR7YmEEA5JA.png
Enquanto todas as atenções foram desviadas para Curitiba, onde o ex-presidente Lula depõe, na Câmara os deputados votaram o relatório da reforma da Previdência, aquela que vai tornar a aposentadoria um sonho praticamente impossível.
Em Brasília, Michel Temer elabora um texto para obrigar todos os deputados e senadores do PMDB a votar a favor da reforma, sob a pena de sofrerem advertência ou até expulsão do partido. Mas a coisa pode ser ainda pior: os parlamentares que se preocupam com seu futuro político poderão usar a manobra política do PMDB como desculpa para seus eleitores.
Ao serem “obrigados” a aprovar a reforma da Previdência, jogam a culpa no partido e ainda podem sair como os bons moços que foram forçados a votar contra suas convicções (ATA!).
O que está acontecendo em Curitiba é importante, mas a reforma da Previdência trata do futuro de todos os brasileiros. Uma coincidência bem pertinente para o governo: fazer todo mundo olhar para Curitiba e ir avançando com a “reforma” que vai afetar negativamente a vida de todos nós.

Deixe uma resposta