Ferramenta ajuda trabalhador a fazer pressão e defender seus direitos

sitecuttwitter.pngA CUT (Central Única dos Trabalhadores) lançou nesta quinta-feira uma ferramenta bastante prática para entrar em contato com autoridades do Executivo, Legislativo e Judiciário (vereadores, deputados, senadores e até ministros do Superior Tribunal Federal, o STF). Chamada de Na Pressão (www.napressao.org.br), ela está atualmente com três campanhas ativas: Diretas Já, Reforma da Previdência e Reforma Trabalhista, mas a plataforma também pode ser utilizada por sindicatos, entidades e movimentos sociais parceiros em campanhas regionais e locais.

No caso da campanha Diretas Já, é possível enviar e-mails para todos os deputados federais, senadores e ministros do STF pedindo que eles apoiem a proposta para a realização de eleições diretas para a Presidência com o objetivo de se retomar a normalidade democrática no País.

Os deputados federais são o alvo da campanha Reforma da Previdência. Eles estão divididos em três categorias: a favor, indeciso e contra a reforma. É possível mandar mensagens apenas para os três grupos ou para um ou dois deles. O mesmo mecanismo está disponível para a reforma da Previdência, que ainda está na Câmara.

 

Deixe uma resposta